Ensino Secundário Recorrente por Módulos Capitalizáveis (10º, 11º e 12º- 1, 2 ou 3 anos)

Funcionamento em Regime Diurno ou Noturno

O Ensino Secundário Recorrente por Módulos Capitalizáveis destina-se a jovens ou adultos que:
- pretendam concluir o ensino secundário;
- que tenham concluído o 9º Ano de escolaridade ou equivalente e pretendam obter o ensino secundário.

Podem frequentar esta modalidade de ensino todos aqueles que:
- tenham idade igual ou superior a 18 anos até 31 de dezembro;
- que completem os 18 anos até 31 de agosto do ano em que é efetuada a matrícula;
- tenham 16 anos de idade até 31 de agosto.

Para os que já frequentaram o Ensino Secundário e pretendem terminá-lo, serão dadas equivalências às disciplinas já concluídas, de acordo com a legislação em vigor.

Cada disciplina é composta por um número de módulos que corresponderá ao ano a que se refere (ex: disciplina anual – 3 módulos; disciplina bienal – 6 módulos; disciplina trienal- 9 módulos.

Na modalidade de Ensino Secundário Recorrente por Módulos Capitalizáveis, o Externato Marquês de Pombal oferece os seguintes cursos:
- Ciências e Tecnologias;
- Artes Visuais;
- Ciências Socioeconómicas;
- Línguas e Humanidades.

Os cursos podem ser frequentados em duas modalidades de frequência: regime presencial e regime não presencial.

*Consultar plano curricular

PRESENCIAL NÃO PRESENCIAL
Avaliação contínua (participação, testes formativos, etc.)
Capitalização trimestral por módulo/disciplina
Regime modular por disciplina/ano
Possibilidade de capitalização não sequencial
Avaliação de recurso para capitalização de módulos em atraso
Dever de assiduidade
Provas de avaliação em épocas próprias: Janeiro/ Abril/ Junho ou Julho
Capitalização obrigatoriamente sequencial
Realização de provas por módulo (um) ou conjunto de três módulos
Maior autonomia na aprendizagem
Duração mais reduzida para conclusão do ensino secundário

 

Em cada época só poderá ser realizada 1 prova de avaliação de cada disciplina, que poderá abranger 1 ou 3 módulos, correspondentes a cada um dos anos de escolaridade.

No regime não presencial, a capitalização dos módulos é obrigatoriamente sequencial.

Para aqueles que apenas pretendam obter o Ensino Secundário, não necessitam de realizar exames nacionais.

Para aqueles que pretendam prosseguir estudos no Ensino Superior, deverão realizar Exames nacionais às seguintes disciplinas:

Português, da formação geral e às disciplinas específicas; a disciplina trienal e a duas bienais, podendo uma das últimas ser substituída por Filosofia (estes exames não têm no entanto um carácter eliminatório). Devem ainda inscrever-se à prova de acesso ao Ensino Superior ao qual pretendam candidatar-se. Deste modo, obrigatoriamente terão de inscrever-se em data a afixar pelo júri nacional de exames.

O cálculo da média final para acesso ao ensino superior é a média de classificação final de 12º ano = 70% e a média dos quatro exames realizados = 30%.

Pré-Inscrição

Preencha aqui a sua Ficha de Pré-Inscrição.

Ver mais

Calendários

Veja aqui os Calendários do Externato

Ver mais